Entendo a diferença entre estampas Vetoriais (chapados) x Quadricromia x Simulados

Entendo a diferença entre estampas Vetoriais (chapados) x Quadricromia x Simulados

Compartilhe esse post!

Ok, então você já ouviu os nomes deles – Quadricromia ou simplesmente cromia (CMYK), Cores chapadas ou Vetoriais (Spot Color) e Processos Simulados – mas você sabe a diferença entre eles? Qual é o melhor uso para cada técnica? 

ESTAMPAS VETORIAIS

Os desenhos vetorias são os mais comuns dentro da serigrafia e são muito utilizados em  logotipos, textos, desenhos animados, desenhos de traços, etc. As artes vetoriais (ou chapados) geralmente são criados com o uso de programas de gráficos vetoriais, como o CorelDRAW e o Adobe Illustrator. Existe também o INKSCAPE (https://inkscape.org/pt-br/) que é gratuito.  Abaixo um exemplo de arte vetorial sendo criada no corel. A grande vantagem é que podemos trabalhar com tintas de alta cobertura diretamente sobre fundos escuros.

Abaixo, arte impressa no curso de Serigrafia Básico Presencial – Prime

PROS:

  • Impressões sobre um material de qualquer cor ;
  • Utilização de matrizes mais abertas;
  • Podem ser utilizados diapositivos (fotolitos) mais simples;

CONTRAS:

  • Para cada cor é realizada uma impressão;
  • Nescessário maior precisão no registro;
  • Não conseguimos realizar impressões fotográficas.

 

FERRAMENTAS SUGERIDAS:

  • Programas gráficos vetoriais como Illustrator, CorelDraw, Inks Scape….

QUADRICROMIA OU PROCESSO CMYK (CYAN, MAGENTA, AMARELO, PRETO)

Quadricromia ou simplesmente cromia é o método de impressão largamente utilizado para impressão serigráfica de imagens. Usando as tintas cian, magenta, amarelo e preto, conseguimos reproduzir fotos e imagens complexas. Uma das características é que a cromia só funciona sobre fundos brancos pois as tintas de cromia são transparentes. Para fundos coloridos devemos aplicar uma camada de tinta branca antes da impressão.

Na foto abaixo estamos estampando um desenho em cromia sobre tecido preto utilizando uma camada de fundo branca. Esta estampa foi realizada no Curso de Serigrafia Presencial Pro+Expert

PROS:

  • Utiliza 4 cores;
  • Impressão de Imagens;
  • Reproduzir com fidelidade, qualquer cor ou tonalidade (dentro do gamut CMY).

CONTRAS:

  • Somente em fundo branco;
  • Utilização de matrizes mais fechadas;
  • São necessários fotolitos de alta-performance.
  • Requer uma compreensão mais profunda da preparação da matriz (tela) e reprodução de valores de meio-tom.
  • Espectro de cores limitado – neste processo nem sempre poderão reproduzir determinadas cores. Se uma estampa precisar de um vermelho vibrante, você precisará gerar um tela especifica para esta cor.

FERRAMENTAS SUGERIDAS:

Temos um super post redigido por Leonardo Rocha sobre quadricomia, dá uma olhada: https://www.moacirferreira.com/post/quadricromia

PROCESSO SIMULADO

Processo simulado é um método usado para reproduzir quase qualquer imagem no mercado. Isso é feito sobrepondo e mesclando cores em um método semelhante ao CMYK, usando meios-tons e cores chapadas. Essencialmente, é uma maneira de tirar uma foto que historicamente seria impressa via CMYK, porem utilizando tintas de cobertura (opacas).

Ganhando grande destaque nos últimos anos, o processo simulado é mais estável durante a produção, resultando em menos impressões erradas, com isto esta se tornando cada vez mais o metdo preferido de estampara imagens em camisetas de todas as cores.

Como qualquer nova técnica, você precisa estudar profundamente a técnica, para isto eu indico o curo do Rafael Roan: https://silktv.com.br/produto/curso-photoshop-serigrafia/. No YouTube também você consegue aprender mais sobre o processo. Um boa opção também é contratar freelancers especializados em separações para ajudá-lo. Existem tambem pugins de photoshop que fazem a separação automaticamente, em nosso curso online ESTAMPARIA DE SUCESSO 3.0 fornecemos o GÊNESIS PRO SIMULADOS, pra saber mais vai aqui: https://estampariadesucesso.com.br/

PROS:

  • Podemos imprimir sobre um material de qualquer cor ;
  • Utilização de matrizes mais abertas;
  • Impressão de Imagens;
  • Reproduzir com fidelidade, qualquer cor ou tonalidade (dentro do gamut CMY).

CONTRAS:

  • Algumas vezes pode gerar um alto numero de matrizes.

Bom por enquanto é isto!
Comente aqui embaixo pra mim qual processo você utiliza na sua estamparia.

Compartilhe esse post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shares